Esporte, Copa América e a abordagem da temática pelas escolas

10/06/2019


A edição de 2019 da Copa América será realizada no Brasil. Entre os dias 14 de junho e 7 de julho, cinco cidades brasileiras serão palco de importantes jogos das seleções. Os estádios cheios e a população de cada país envolvida e torcendo pela sua equipe.

A competição inclui seleções de 10 países sul-americanos e mais duas seleções que foram convidadas para participar do campeonato. Além de Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela, as seleções do Japão e do Catar também vão para a disputa da Copa América.

Através de atividades e projetos pedagógicos, a magia do futebol torna-se ponto de partida para contextualizar as diversas áreas do conhecimento nas escolas. Atividades que reúnem informações como cultura, comidas típicas, história do futebol e outras curiosidades pertinentes aos países são algumas das possibilidades que podem ser exploradas no ambiente escolar de forma interdisciplinar. O Blog Educação selecionou algumas sugestões de atividades, algumas possibilidades de abordagem do tema. Confira:
Pesquisa e produção de texto

Localizar os países de todas as seleções participantes da Copa em um mapa e levantar dados que os caracterizam como, por exemplo, a cultura, a economia, a geografia do local, os costumes, entre outros. A pesquisa sobre os países pode despertar para o estudo das semelhanças e das diferenças entre os países que irão se confrontar na Copa. Textos, por exemplo, podem ser produzidos a partir dessas descobertas;

Pesquisa e matemática

Os números estarão presentes no dia a dia da competição: classificação da seleção na tabela do grupo, pontos necessários para classificar, quantidade de ingressos vendidos, número de gols marcados, gráficos de desempenho no campeonato, valores sobre o deslocamento e velocidade da bola, por exemplo. A sugestão é de que a escola trabalhe esse universo, descobrindo o que os números podem dizer sobre a história dos campeonatos;

Pesquisa e trabalho em grupo

Os estudantes poderiam, também, trabalhar em equipe e cada turma ou cada grupo representaria uma seleção, um país participante da competição. Assim, os alunos fariam pesquisas sobre os países que estão representando e, ao fim, apresentariam para a escola o resultado deste trabalho.

 

 

Postado em: Uncategorized — geaninenogueira @ 14:12

Nenhum Comentário »

Nenhum comentário ainda.

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário

SEE|
Rod. Pref. Amrico Gianetti, s/n - B.: Serra Verde - BH/MG - Prdio Minas /11 Andar - CEP 31630-900 - Tel.: (31) 3916-7000
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades