Alunos da E. E. Afrânio de Melo Franco viajam pelos trilhos da história

07/10/2009

Selecionar e contar fatos que marcaram o mundo pode parecer uma tarefa ousada. Mas o desafio foi encarado com êxito pelos alunos da Escola Estadual Afrânio de Melo Franco, no bairro Santa Mônica em Belo Horizonte. A atividade faz parte do Projeto Retrospectiva, que tem como objetivo a interação dos alunos com os momentos históricos que contribuíram, direta ou indiretamente, para os rumos da humanidade. O resultado da pesquisa foi apresentado na última quarta-feira (30/09), em uma exposição dentro da escola. 

As últimas seis décadas (1950 – 2009) foram pesquisadas pelos alunos do Ensino Médio. A busca envolveu o contexto social, político, econômico e artístico da cada período. A década de 1960, por exemplo, foi apresentada em forma de música. Embalados pelo ritmo do twist, os estudantes dançaram e contaram sobre os avanços e preocupações da época. “Aqui nós também falamos sobre política, no mundo e no Brasil. Na América Latina, sobre o Che Guevara. A construção do Muro de Berlim e a divisão da sociedade alemã e mundial entre o socialismo e o capitalismo. No Brasil, abordamos o começo da ditadura, quando várias pessoas sofreram agressões e repressão”, relata Adeílson Carlos Mendes, aluno do Ensino Médio.

Alunos do Ensino Médio estudaram durante um mês a década de 1990

Alunos do Ensino Médio estudaram durante um mês a década de 1990

Nos recentes anos 1990, a ciência foi assunto. Com o Projeto Genoma, a possibilidade de decifrar o código genético humano foi comentada em todo o mundo. No campo das celebridades, outros assuntos foram destacados, como as mortes do piloto Ayrton Senna e da princesa Diana. Na política brasileira um fato inédito: o impeachment de um presidente. Fernando Collor de Melo foi deposto em 1992, sob forte pressão popular. “Nós também temos a criação do Plano Real. Para a exposição conseguimos jornais da época. Assim o conhecimento adquirido foi muito bom”, avalia Luís Fernando Fernandes, aluno do projeto Educação de Jovens e Adultos.

Mas não apenas as décadas foram temas da exposição. Como belo-horizontinos, a história da capital fez parte do trabalho dos alunos. Os 111 anos da cidade foram apresentados pela turma do Minas Educar, projeto da Secretaria de Planejamento e Gestão de Minas Gerais, que visa elevar a escolaridade do servidor público nos níveis Fundamental e Médio. Na exposição eles mostraram utensílios utilizados ao longo das décadas, como panelas e telefones, além de fotos dos pontos turísticos, como o Mineirão e a Praça Sete. Na música, as cantigas ficaram por conta do coral da escola. Entre as canções, Peixe Vivo, a preferida do mineiro Juscelino Kubitschek, que foi prefeito de Belo Horizonte e presidente do Brasil. “A música, geralmente, entusiasma esses funcionários que trabalham o dia inteiro. Eu acho que esse momento do coral é um momento de lazer, de extravasar”, avalia a diretora da escola, Maria da Silva Vieira.

Antiguidades que fizeram parte da rotina dos belorizontinos ao longo da história da cidade

Antiguidades que fizeram parte da rotina dos belorizontinos ao longo da história da cidade

O trabalho “Retrô dos Morros” mostrou a origem das favelas no Brasil. O nome favela é de uma planta da caatinga, muito comum no território em que moravam os combatentes da Guerra dos Canudos. Do escambo à moeda, a história do sistema monetário brasileiro também foi contada. “Antes o homem comia apenas o que plantava, mas com o tempo começou a trocar mercadorias tendo a moeda como intermediário nessa troca. Hoje, você trabalha com o cheque”, comenta João Gonçalves de Oliveira, aluno do Ensino Médio.
 
Todas as atividades desenvolvidas por esses alunos foram avaliadas por uma equipe de professores. Entres os critérios observados estavam o empenho, a criatividade e a organização das turmas. A E.E. Afrânio de Melo Franco participa dos projetos Escola Viva, Comunidade Ativa,  Escola de Tempo integral e Peas Juventude da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais.

Postado em: Uncategorized — admin @ 19:00

2 Comentários »

  1. Gostaria de parabenizar todos os alunos do noturno e todos os Profissionais que fizeram este Projeto se realizar de forma tão brilhante . Vocês são especiais , continuem com toda esta garra sempre nos mostrando coisas lindas.
    Abraços

    Comment by Adriana Cardoso — 09/10/2009 @ 14:14

  2. Parabéns a todos os funcionários e alunos , que fizeram um lindo trabalho .
    Vocês nos mostraram que com esforço e entusiasmo conseguimos realizar um otimo trabalho.

    Comment by Adriana Cardoso — 09/10/2009 @ 14:28

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário

SEE|
Rod. Pref. Amrico Gianetti, s/n - B.: Serra Verde - BH/MG - Prdio Minas /11 Andar - CEP 31630-900 - Tel.: (31) 3916-7000
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades